TERRAMUNDI Viagens
+55 11 3060-5821

17
-dias-

- - - A PARTIR DE - - -

USD4.168,00

- - - PRINCIPAIS ATRAÇÕES: - - -

Um panorama completo para se deslumbrar com os templos de Angkor, o mar idílico de Halong Bay, o charme de Luang Prabang e a história de metrópoles vibrantes como Hanói e Ho Chi Minh.

Vietnã, Laos e Camboja

Vietnã, Laos e Camboja

As diversas paisagens da Indochina

Interesses

  • ao-ar-livre Ao ar livre
  • imersao-cultural Imersão Cultural

Quando ir

  • Jan
  • Fev
  • Mar
  • Abr
  • Mai
  • Jun
  • Jul
  • Ago
  • Set
  • Out
  • Nov
  • Dez
Quanto tempo ficar

15 a 20 dias



Vale a pena conhecer

Hanoi, Baia de Halong, Hue, Hoi An, Ho Chi Minh, Siem Reap e Luang Prabang



QUER UMA PROPOSTA SOB MEDIDA?
----------------- OU ------------------
Quer uma Proposta Sob Medida?

Solicite AquiSolicite Aqui

LigarLigar

A TERRAMUNDI pode formatar uma exploração da Indochina sob demanda, recomendando as paradas imperdíveis conforme o tempo e o foco do viajante. Mas quem tiver interesse em fazer uma introdução clássica a Camboja, Laos e Vietnã vai curtir um roteiro de 16 dias, com experientes guias locais. Nesse caso, fique à vontade para acrescentar passeios e noites extras durante sua jornada.

MOTIVOS PARA VIAJAR – Quer conhecer de uma só vez os três países que fizeram parte da Indochina, colônia francesa durante os séculos 19 e 20 que reuniu Camboja, Laos e Vietnã? Essa é uma oportunidade para se deslumbrar com os templos de Angkor, o charme de Luang Prabang e o mar idílico de Halong Bay, assim como para entender a história de metrópoles vibrantes como Hanói e Ho Chi Minh (ex-Saigon).
 

PAISAGEM DA JANELA No Camboja, templos e esculturas centenárias se escondem em meio à floresta de Angkor, perto de Siem Reap e seus mercados, lojas e galerias de arte. No Laos, Luang Prabang é repleta de templos de devoção a Buda. O Vietnã exibe as lindas ilhas e pitorescas vilas flutuantes de Halong Bay, o mar de motocicletas de Hanói e, em Ho Chi Minh, a antiga Saigon se mostra moderna, com shoppings e restaurantes finos.
 

NÃO DÁ PRA PERDER Em Luang Prabang, no Laos, visite as cascatas verdes de Kuang Si e navegue no Rio Mekong para orar diante das centenas de estátuas de Buda na caverna Pak Ou. Depois de conhecer a vibrante Hanói, no Vietnã, embarque em um cruzeiro pela Halong Bay, a linda baía pontilhada de formações rochosas que se tornou Patrimônio Natural da Humanidade. Ainda no Vietnã, duas cidades históricas imperdíveis são Hoi An, Patrimônio Cultural, e a antiga capital, Hue. Em Siem Reap, no Camboja, visite todos os templos que puder em Angkor.


POR QUE IR AGORA – Espremida entre duas civilizações milenares poderosas, a Índia e a China, a Indochina passou a receber também influências europeias depois de ser transformada em colônia da França, a partir de 1858. Essa salada multicultural até hoje está presente nos três países, assim como memórias de grandes acontecimentos que a região viveu no século 20, quando os três países viriam a ganhar independência: a Guerra do Vietnã, de 1955 a 1975; os conflitos civis no Laos, entre os anos 1960 e 1970; e o regime do Khmer Vermelho no Camboja, entre as décadas de 1970 e 1990.


EXPERIÊNCIAS ÚNICAS – Assista à oferenda budista do café da manhã dos monges que acontece em cidades como Luang Prabang, no Laos. As donas de casa esperam na frente de suas casas até o momento em que, por volta das 6 da manhã, uma fila de monges vestidos de laranja passa de casa em casa recebendo seu desjejum. Se quiser, faça também sua oferta e emocione-se ao participar do ritual. No Vietnã, perto da moderna Ho Chi Minh (antiga Saigon), caminhe nos túneis de Cu Chi, construídos no década de 1960 durante a Guerra do Vietnã, para que os soldados vietnamitas pudessem percorrer grandes distancias - e se proteger - sem serem notados pelo exercito americano. 


OLHAR TERRAMUNDI – Entre um ponto e outro, conheça a arte do Sudeste Asiático: em Hanói, visite a aldeia de cerâmica Bat Trang e assista a uma apresentação de marionetes. Em Luang Prabang, passe no Centro das Artes Tradicionais e Etnologia do Laos e também na aldeia Ban Xang Khong, onde é feito o típico papel decorado chamado Saa. E em Siem Reap, encante-se com as pinturas da Theam’s House, do artista cambojano Lim Muy.

1° Dia - Chegada a Bangkok

Pernoite: Bangkok

Na chegada a Bangkok, traslado para o hotel.

Bangkok é a capital e a maior cidade da Tailândia, e mesmo sendo moderna e dinâmica, ainda conserva muitos aspectos da cultura tradicional. Na parte nova da cidade, há edifícios de luxo, e na parte antiga, cortada por canais, casinhas de madeira sobre palafitas e antigos templos.

2° Dia - Em Bangkok: dia livre

Pernoite: Bangkok

Dia livre para explorar a cidade.

3° Dia - Em Bangkok: dia livre

Pernoite: Bangkok

Mais um dia livre para realizar os passeios que preferir.

4° Dia - Ida de Bangkok para Hanói (voo)

Pernoite: Hanói

Traslado ao aeroporto e embarque com destino a Hanói, a capital do Vietnã.
Na chegada, traslado para o hotel e restante do dia livre.


5° Dia - Em Hanói: passeio pela cidade

Pernoite: Hanói

Saída para conhecer os principais destaques da cidade, começando com uma visita ao histórico Mausoléu de Ho Chi Minh, um grande monumento onde está o corpo do líder vietnamita. Visita também ao Pagode de Um Pilar, pequeno templo budista construído em 1049 que é um dos ícones de Hanói; e Templo da Literatura, a primeira universidade para os filhos dos mandarins.
Pela tarde, visita ao Museu de Etnologia (fechado às segundas-feiras), que oferece uma visão fascinante das 54 minorias étnicas vietnamitas. Regresso ao centro de Hanói para uma caminhada pela zona antiga.
O passeio chega ao fim com um show no Teatro de Marionetes de Água, um espetáculo curioso que representa cenas da vida rural e conta episódios históricos.

Nota: O Mausoléu está fechado às segundas e sextas-feiras, todas as tardes e de Setembro a Novembro.


6° Dia - Ida de Hanói para a Baía de Halong (terrestre – aprox. 4h)

Pernoite: A bordo do junco

De manhã, saída de Hanói até a cidade de Halong. Na chegada, embarque em um tradicional junco que o levará ao longo da bahía de Halong para desvendar as belezas naturais da região.

Nota: Por motivo de reforma, os cruzeiros não operam durante os seguintes períodos:
JASMINE CRUISE – 23 de maio a 18 de junho de 2018
VIOLET JUNK – 05 a 25 de setembro de 2018



7° Dia - Ida da Baía de Halong para Hanói. Embarque para Da Nang (voo) e traslado para Hoi An (terrestre – aprox. 1h)

Pernoite: Hoi An

Cedo pela manhã, participe de uma demonstração de Tai Chi no deck superior, cercado por um visual magnífico do amanhecer na Baía de Halong.
Desembarque no porto e traslado ao aeroporto de Hanói para embarcar com destino a Da Nang.
Chegada e traslado para o hotel em Hoi An.

Também conhecida como a Cidade Antiga de Hoi An, recebeu o título de Patrimônio Mundial pela UNESCO e foi um importante porto comercial do Sudeste Asiático. A pequena cidade preserva construções históricas e possui estilo arquitetônico único devido às influências do povo chinês, japonês e europeu.


8° Dia - Em Hoi An: caminhada guiada pela cidade

Pernoite: Hoi An

Caminhe pelas estreitas e charmosas ruas da cidade, ideais para passeios a pé. Veja as antigas casas de comércio; a emblemática Ponte japonesa de 400 anos; a Assembleia Municipal da Congregação Chinesa Chaozhou, com lindas esculturas de madeira; e o colorido mercado com barracas repletas de especialidades locais.

Hoi An é repleta de armazéns que remetem ao seu passado portuário e que foram transformados em restaurantes, cafés, galerias e lojas de alfaiates. Uma característica marcante são suas lanternas coloridas espalhadas por toda parte, enfeitando as ruas de paralelepípedo.


9° Dia - Ida de Hoi An para Da Nang e embarque para Ho Chi Minh (voo)

Pernoite: Ho Chi Minh

Traslado ao aeroporto de Da Nang e embarque com destino a Ho Chi Minh, a maior cidade do Vietnã.


10° Dia - Em Ho Chi Minh: passeio de bike às margens do Rio Mekong / Vila rural Cai Lay

Pernoite: Ho Chi Minh

Cedo pela manhã, viagem de 2 horas rumo ao sudoeste, passando por arrozais e pomares.
Na chegada a Cai Lay, desfrute de um breve passeio de canoa, apreciando a paisagem rural, seguido por um passeio de bicicleta (cerca de 7 km em terreno nível fácil) ao longo das pistas estreitas da vila. Enquanto pedala, os moradores, muitas vezes, irão cumprimentá-lo com um “olá” ou "xin chao".
Chegada na casa de um agricultor local onde terá a oportunidade de saborear frutas frescas, colhidas na hora.
Depois, relaxe em um tranquilo passeio a bordo de uma embarcação tradicional ao longo dos canais que o levará até uma aldeia para experimentar um almoço típico numa casa simples.
Regresso a Ho Chi Minh.


11° Dia - Em Ho Chi Minh: passeio de meio dia a Cu Chi. Então embarque para Luang Prabang (voo)

Pernoite: Luang Prabang

Pela manhã, visita aos famosos túneis de Cu Chi. A imensa rede de túneis subterrâneos conectados serviu de moradia, rota de comunicação, abastecimento de alimentos, estoque de armas e principalmente como esconderijo para proteger os guerrilheiros vietnamitas durante a Guerra do Vietnã. Conhecer de perto as aldeias subterrâneas proporciona uma melhor compreensão da história, as dificuldades do cotidiano e a resistência durante o combate.

Regresso a Ho Chi Minh e traslado ao aeroporto para embarcar com destino a Luang Prabang, o maior destaque do Laos. Na chegada, traslado para o hotel.


12° Dia - Em Luang Prabang: visita aos templos e passeio de meio dia às Cascatas de Kuang Si

Pernoite: Luang Prabang

O dia começa com uma caminhada ao redor da cidade considerada Patrimônio Mundial da UNESCO.
Depois, visita ao Palácio Real, o atual Museu Nacional (fechado às terças-feiras), seguido pelos templos de Wat Visoun, Wat That Luang, Wat Mai e Wat Xieng Thong.
Encare uma pequena subida até o topo do Monte Phousi para admirar a maravilhosa vista da cidade, dos rios Mekong e Khan e das montanhas circundantes.
Pela tarde, siga em direção ao sul para um dos lugares mais pitorescos de Luang Prabang: as cachoeiras de Kuang Si. São quedas d’água que variam entre tons de azul-turquesa a verde-esmeralda que parecem um verdadeiro cartão-postal.
No caminho, parada para conhecer o vibrante mercado Phousi e o Centro de Artesanato Ock Pop Tok, que trabalha principalmente no campo têxtil. Na chegada ao parque, breve caminhada até chegar às cachoeiras. Os mais aventureiros podem nadar em uma grande piscina natural (de Novembro a Janeiro a temperatura da água é muito fria). Retorno ao hotel.

Nota: Para visitar os templos, por motivos religiosos, devem vestir roupas que cubram os ombros e joelhos. Na visita às cachoeiras, recomenda-se usar traje adequado para caminhada.


13° Dia - Em Luang Prabang: Despertar com os monges e dia livre

Pernoite: Luang Prabang

Cedo pela manhã, presencie a Cerimônia das Almas ou Tak Bat, uma experiência no mínimo inspiradora. Esta tradição budista é um ritual matinal em que os monges saem dos templos e caminham em silêncio pelas principais ruas da cidade para receber oferendas doados pelos moradores. Além de ser um momento de meditação, é também de grande emoção.
Assista a cidade ganhar vida, e em seguida, volte ao hotel para tomar o café da manhã.
 
Nota: Caso não queira participar, por favor, mantenha uma distância adequada e observe em silêncio. Vista-se adequadamente: ombros, peito e joelhos devem ser cobertos.


14° Dia - Ida de Luang Prabang para Siem Reap (voo)

Pernoite: Siem Reap

Traslado ao aeroporto e embarque com destino a Siem Reap. Na chegada, traslado para o hotel.
Aproveite o restante do dia para passear e sentir a atmosfera rústica da cidade.

15° Dia - Em Siem Reap: visita aos templos de Angkor

Pernoite: Siem Reap

Dia dedicado a explorar o impressionante complexo de Angkor, uma das maravilhas do mundo moderno.
Pela manhã, saída do hotel em direção ao magnífico templo de Bayon, localizado no coração da antiga cidade de Angkor Thom. Conheça ainda outros destaques como o templo Baphuon, Terraço dos Elefantes e Terraço do Rei Leproso.
Pela tarde, visita a Ta Prohm, onde as raízes das árvores que levantam as rochas do templo dão a todo o lugar um ar de cidade perdida. O dia termina em Angkor Wat, símbolo nacional e o maior templo hindu do mundo. 


16° Dia - Em Siem Reap: dia livre

Pernoite: Siem Reap

Dia livre para aproveitar o destino ao seu ritmo.

17° Dia - Saída de Siem Reap

Traslado ao aeroporto e embarque no voo de volta para o Brasil.

RESERVE SUA VIAGEM
  • sala-lodges

    Sala Lodges

    Semelhante a um pequeno vilarejo típico, o Sala Lodges é um bem-sucedido exemplo de luxo na simplicidade. Do estilo rústico e intimista dos chalés de madeira à pegada contemporânea e sofisticada das áreas comuns, une tradição oriental e modernidade ocidental.

  • shinta-mani-club

    Shinta Mani Club

    Projetado pelo aclamado arquiteto norte-americano Bill Bensley, o Shinta Mani Club possui design contemporâneo e decoração minimalista com toques cambojanos. O ambiente tranquilo de seus 39 quartos é coroado pelo ótimo atendimento com serviço impecável.

  • sofitel-legend-metropole-hanoi

    Sofitel Legend Metropole Hanoi

    Construído por colonizadores franceses em 1901, o Sofitel Legend Metropole Hanoi se tornou muito mais do que uma hospedaria de luxo de altíssima qualidade. Em seu subterrâneo foi descoberto – e aberto ao público – um bunker que abrigava hóspedes durante a Guerra do Vietnã.

  • the-nam-hai

    The Nam Hai

    Localizado em uma paradisíaca praia de areia branca em Hoi An, o Nam Hai brilha como um dos melhores e mais belos hotéis do Vietnã. Suas acomodações privativas, as chamadas vilas – todas com vista para o mar –, têm opções que vão de um a cinco quartos.

  • anantara-hoi-an-resort

    Anantara Hoi An Resort

    Confortável hotel-butique de arquitetura colonial francesa, o Anantara Hoi An Resort tem o privilégio de estar bem no centro da antiga Hoi An, às margens do Rio Thu Bon. É ideal para quem quer respirar história e vivenciar uma atmosfera de serenidade sem abrir mão da elegância da grife Anantara.

  • the-siam

    The Siam

    Situado às margens do Rio Chao Phraya – e com marina própria –, o hotel-design do pop star tailandês Noi (ou Krissada Sukosol Clapp) foi desenhado pelo aclamado arquiteto Bill Bensley e ostenta obras de arte nas áreas comuns e nos 39 quartos.

  • the-luang-say-residence

    The Luang Say Residence

    Impossível não se encantar com esse hotel que ostenta o selo Small Luxury Hotels e está localizado a poucos minutos do Centro. Aconchegante, tem um ambiente clássico e romântico que convida a dias relaxantes à beira do belo jardim e em meio às montanhas da região.

  • la-residence-phou-vao

    La Résidence Phou Vao

    Localizado no topo do Monte Phousi, o La Résidence Phou Vao possui vistas deslumbrantes para as montanhas sagradas e os vales verdes da região. Afastado, mas com fácil acesso ao Centro, é o lugar ideal para relaxar em meio à natureza e com um atendimento todo especial.

Passagem aérea apenas nos trechos internos
Bilhete aéreo em classe econômica nos trechos Bangkok / Hanoi / Da Nang / Ho Chi Minh / Luang Prabang / Siem Reap / Bangkok, emitidos localmente.

Hospedagem
3 noites com café da manhã em Bangkok;
2 noites com café da manhã em Hanói;
1 noite em barco estilo junco com pensão completa a bordo na Baía de Halong;
2 noites com café da manhã em Hoi An;
2 noites com café da manhã em Ho Chi Minh;
3 noites com café da manhã em Luang Prabang;
3 noites com café da manhã em Siem Reap.

Traslado
Traslados em veículo privativo com assistência em idioma inglês.

Passeio | serviço privativo com guia local falando inglês
Hanói: city tour de dia inteiro
Hoi An: caminhada de meio dia pela cidade 
Ho Chi Minh: passeio de biicleta no Delta do Rio Mekong (inclui almoço típico em vilarejo local) e visita de meio dia aos túneis de Cu Chi
Luang Prabang: cerimônia de oferenda aos monges, visita de meio dia aos templos da cidade e visita de meio dia ao parque das cachoeiras de Kuang Si
Siem Reap: visita de dia inteiro aos templos de Angkor

Assistência Internacional
Plano ASSIST CARD. Consulte-nos sobre informações e coberturas incluídas.

Não inclui
- Imposto de remessa ao exterior (IRRF) de 6,38%;
- Passagem aérea desde o Brasil e taxas de embarque;
- Despesas com documentação;
- Despesas pessoais como telefonema, lavanderia e gorjeta;
- Passeios além dos citados neste programa;
- Refeições e bebidas não citados nos itens incluídos;
- Qualquer outro item não mencionado como incluído.

Notas importantes
- Os passeios estão sujeitos a condições climáticas.
- Preços não válidos para período de feriados locais, Natal e Ano Novo.
Forma de pagamento da parte terrestre:
Cheque (de pessoa física, sujeito a aprovação por instituição financeira) ou Cartão (de pessoa física emitido no Brasil):
30% de entrada à vista e saldo parcelado em até 6x.