TERRAMUNDI Viagens
+55 11 3060-5821

08
-dias-

- - - A PARTIR DE - - -

BRL4.219,00

- - - PRINCIPAIS ATRAÇÕES: - - -

Vale do Pati é um lugar cercado de montanhas e extensas áreas planas, repleta de cachoeiras e belezas naturais, onde a natureza permaneceu praticamente intocada.

trekking-vale-do-pati

Trekking no Vale do Pati

O trekking mais bonito do Brasil

Interesses

  • ao-ar-livre Ao Ar Livre

Quando ir

  • Jan
  • Fev
  • Mar
  • Abr
  • Mai
  • Jun
  • Jul
  • Ago
  • Set
  • Out
  • Nov
  • Dez
Quanto tempo ficar

8 dias



Vale a pena conhecer

Lençóis, Capão e Vale do Pati



QUER UMA PROPOSTA SOB MEDIDA?
----------------- OU ------------------
Quer uma Proposta Sob Medida?

Solicite AquiSolicite Aqui

LigarLigar

1° Dia - Origem / Salvador – Lençóis

Pernoite: Lençóis

Apresentação no aeroporto de origem para embarque com destino a Lençóis na Chapada Diamantina. Desembarque no aeroporto de Lençóis, recepção e traslado até a pousada/hotel. Almoço livre na cidade e a tarde, caminhada pelos arredores da cidade de Lençóis conhecendo um pouco da história, arquitetura e curiosidades desta simpática cidade, famosa pelo garimpo de diamantes no século 19. Pernoite em Lençóis. 

2° Dia - Trilha Pai Inácio – Morrão – Capão

Pernoite: Pousada do Capão

Saída as 8:30h. Trajeto de carro até o Morro do Pai Inácio, onde é possível curtir o famoso visual do vale do cercado e da serra dos Três irmãos, com o visual de cima de todo o trajeto. A caminhada é plana a maior parte do tempo, com incríveis vistas do morro do Pai Inácio, morro do Camelo e as serras do Mucugezinho e dos Cristais. Chegando ao Morrão, ponto de parada obrigatório para o lanche e um relaxante banho nas piscinas naturais de Águas Claras. A trilha segue até o vale do Capão, encontrando o carro de apoio, terminando o dia na vila do Capão. Pernoite em pousada no vale do Capão.

Carro: 30 minutos pela manhã (Estrada), e 30 minutos após a trilha (off-road)
Caminhada: 14 km, Trilha boa e plana na maior parte, com um pequeno declive no meio do trajeto onde é necessário cruzar um rio. Nas primeiras horas, a vegetação é um pouco mais fechada e a altura das pernas, sendo o uso de uma calça uma boa opção principalmente para as mulheres.
Banho: em Águas Claras, e na cachoeira do riachinho, ao final da trilha. 

3° Dia - Cachoeira da Fumaça - Riachinho

Pernoite: Pousada Capão

Dia de conhecer a maior cachoeira do Brasil em queda livre, a Cachoeira da Fumaça. Saímos da pousada já caminhando, pelos 6km de trilha até o topo da Cachoeira. Durante o trajeto, você vai se vislumbrar com o visual do Vale do Capão e das serras de costeiam a região, até o cânion da Fumaça, com seus 400m de altura. Parada curtir o visual, descansar e lanchar, antes de retornarmos pela mesma trilha até o carro. Depois da caminhada, visita a cachoeira do Riachinho para um relaxante banho, terminando o dia na vila do Capão. Pernoite no Vale do Capão

Carro: 20Km total
Caminhada: 12km Total (6Km cada trecho). 2Km de subida sobre degraus de pedra, os últimos 4km em terreno plano.
Banho: Na cachoeira do Riachinho
Exposição à altura no topo da cachoeira 

4° Dia - Vale do Pati – Gerais do Vieira e do Rio Preto

Pernoite: Casa de Nativos

Dia de entrada no Vale do Pati. Saída as 8:00h e traslado até o “Bomba”, início da trilha. A primeira parte da caminhada é a subida do Bomba até o gerais do Vieira, com o visual incrível do vale do Capão. A segunda parte é a travessia dos Gerais do Vieira e do Rio Preto, duas áreas planas extensas, de cerca de 14 km. Parada para lanche no Mirante, curtindo o visual da Serra da Lapinha e do Morro do Pati. Terminamos o dia na casa de Seu Wilson. Pernoite em casa de nativos – Seu Wilson

Carro: 8 km (off-road) pela manhã
Caminhada: 22 km de caminhada intensa, com longos trechos planos pelos gerais, intercalados por 2 subidas na primeira parte do dia, e a descida para o Vale ao final do dia. Dia de grande exposição ao sol.


5° Dia - Vale do Pati – Cachoeira dos Funis – Gruta do Castelo

Pernoite: Casa de Nativos

Após o café, a trilha segue pelo leito do Rio Funis, passando por incríveis cachoeiras, até a cachoeira dos Funis. Após a parada para banho e lanche, trilha subindo a Serra da Lapinha, para visitar a Gruta do castelo, uma enorme gruta de quartzito localizada no topo. É possível atravessá-la e apreciar a vista do outro lado do vale. Fim da caminhada após a descida da trilha. Pernoite em casa de nativos

Caminhada: 12Km. O primeiro trecho (6km) é todo feito pelo Rio Funis. Há pedras escorregadias e é necessário atravessar o rio algumas vezes. Para o Castelo, o trecho é uma trilha de subida íngreme, com a necessidade do uso das mãos em alguns momentos. Em geral, os grupos demoram cerca de 1:30 até o cume, num trajeto de quase 3Km.
Em caso de chuvas fortes, ou dias seguidos de chuva, a visita ao Castelo é evitada, considerando-se a dificuldade de se caminhar sobre as pedras molhadas no topo, e a trilha com lama, bem escorregadia na descida.
Travessia da Gruta: curta e tranquila, num trajeto amplo de 300m. Lanternas são necessárias. 

6° Dia - Vale do Pati – Cachoeirão por cima

Pernoite: Casa de Nativos

Após o café da manhã, caminhada em direção a vista de cima do Cachoeirão, uma das maiores atrações do Pati, é uma impressionante cachoeira de 300m com várias quedas de água, chegando a quase 20, na época de chuvas. Parada para lanche e banho, e retorno ao Vale ao final da tarde. Pernoite em casa de nativos

Caminhada: 16 km. Menos exigente que o dia anterior, há uma subida no início da caminhada, mas a maior parte do trajeto é plana até o Cachoeirão. O grupo pode curtir o visual de perto do cânion, utilizando uma cadeirinha e corda de segurança, que o guia possui.
Banho: Há um bom poço para banho e lanche, pouco antes da cachoeira, mas que pode secar em determinadas partes do ano.


7° Dia - Vale do Pati – Guiné – Lençóis

Pernoite: Lençóis

No último dia de caminhada, 15 km atravessando os Gerais do Rio preto, terminando a expedição no povoado do Guiné. Há uma boa subida no início do dia, mas o resto do trajeto e plano, com uma parada para lanche e banho no Rio Preto. O último trecho da trilha é a descida pelo Morro do Beco, chegando ao Guiné, com o visual do fim de tarde na Serra do Esbarrancado. Ao final, traslado de carro até Lençóis. Pernoite em Lençóis

Caminhada: 16 km. Há uma íngreme subida no início do dia (a mesma descida, ao final do segundo dia de trilha) e o resto da trilha segue plana, pelo gerais do rio Preto. Dependendo das chuvas, há a necessidade de pisa na água para atravessar o rio, ou até mesmo o auxílio de cordas. 

8° Dia - Lençóis – Salvador / Origem

Despedida e traslado até o aeroporto ou rodoviária de Lençóis para embarque com destino a Salvador e conexão para retorno à origem.

RESERVE SUA VIAGEM
Hospedagem
- 2 noites em Lençóis, com café da manhã;
- 2 noites no Vale do Capão, com café da manhã na Pousada do Capão;
- 3 noites no Vale do Pati, com café da manhã em Casa de Nativos.
 
Traslados
Todos os traslados
 
Passeios
Todos os passeios citados com guia especializado, regular

Diferencial
Esse roteiro tem Certificação de Segurança ISO 21.101.
 
Extra
Rastreamento Via Satélite
Brinde Artesanal para as saídas 2019
Seguro Viagem
 
O pacote não inclui:
- Passagem aérea e taxa de embarque;
- Serviços de comunicação (telefonia e internet);
- Refeições não mencionadas e bebidas; 
- Despesas pessoais;
- Qualquer outro item não mencionado como incluso
 
Nota Importante
A opção quádruplo são duas acomodações duplas;
O roteiro poderá ser alterado de acordo com as condições climáticas e/ou por motivos alheios a nossa vontade.

| HOTEL DE LENÇÓIS |
Diárias com preços flutuantes, consulte-nos!
Parcelamento em cartões de crédito:
Visa ou Mastercard: 40% entrada (depósito bancário ou cheque) + 3 parcelas iguais no cartão
Amex: 40% entrada (depósito bancário ou cheque) + 2 parcelas iguais no cartão
 
Importante:
- Os cartões de crédito aceitos devem ser de pessoa física e emitidos no Brasil. A primeira parcela do cartão será debitada na data da sua próxima fatura.
- Cartões de crédito emitidos fora do país: o pagamento deverá ser feito à vista, em parcela única.
 
Parcelamento em cheques: 
5 parcelas iguais sem juros (cheques pré datados)
6 parcelas iguais sem juros* (cheques pré datados)
 
* Forma de pagamento especial para fechamento de viagens com antecedência superior a 30 dias do embarque.
 
Importante:
- Não aceitamos cheques de terceiros ou de pessoa jurídica.
- Não aceitamos cheques de contas com menos de 6 meses da abertura.