55 (11) 3060-5800
Pacotes

Atletico-MG no Mundial de Clubes 2013
voltar

Atletico-MG no Mundial de Clubes 2013

Copa do Mundo de Clubes da FIFA Marrocos 2013

O MUNDIAL DE CLUBES de futebol neste ano de 2013 será no Marrocos, entre os dias 11 e 21 de dezembro, nas cidades de Marrakesh e Agadir onde a infra-estrutura turística é excelente.

A distância entre as duas cidades é de cerca de 250 km. Portanto, programamos hospedagens em Marrakesh para todo o período da viagem e incluímos traslados para os primeiros quatro jogos que acontecerão na cidade costeira de Agadir. Os últimos quatro jogos acontecerão no Estádio de Marrakesh.

Durante 10 dias, 7 equipes vindas de 6 confederações futebolísticas de diferentes países vão disputar o Mundial de Clubes da FIFA 2013.
O campeão da Libertadores da América: Atlético-MG, o nosso Galo, foi definido no último dia 24 de julho. O vencedor da Ásia será conhecido no dia 9 de novembro e o campeão africano será definido no dia seguinte, dia 10.

A primeira partida será realizada entre Raja e Auckland no dia 11. O Bayern joga no Mundial de Clubes no dia 17, enquanto o Atlético-MG estréia no Mundial dia 18 de dezembro.

A final acontece no dia 21 do mesmo mês no estádio Marrakesh.

Trazer a taça é um dos objetivos do Atlético-MG no Mundial até o final do ano, depois de ter arrematado lindamente a última edição da Libertadores. 

Calendário do Mundial 2013

11 de dezembro

Jogo 1 - Raja Casablanca x Auckland City

14 de dezembro

Jogo 2 - Equipe A x Equipe B
Jogo 3 Vencedor do jogo 1 x Equipe C

17 de dezembro

Jogo 4 - Vencedor do jogo 2 x Bayern de Munique

18 de dezembro

Jogo 5 - Perdedor do jogo 2 x Perdedor do jogo 3
Jogo 6 - Vencedor do jogo 3 x Atlético Mineiro

21 de dezembro

Terceiro lugar - Perdedor de jogo 4 x Perdedor do jogo 6
Final - Vencedor do jogo 4 x Vencedor do jogo 6


Durante o período da viagem, além de assistir aos jogos, você poderá fazer inúmeros passeios pela “Cidade Vermelha”, que tem um clima incomparável, resultado de influências dos desertos, das montanhas e do Oceano Atlântico, vários e belos jardins, famosos e luxuosos hotéis e resorts, além de uma efervescente vida noturna. Um destino extraordinário!

MARRAKESH

Marrakesh está localizada no centro-sul do Marrocos, entre a costa africana, os montes nevados e o Saara. Um lugar perfeito para se conhecer um pouco da cultura islâmica, com conforto e segurança, além de ser ponto estratégico para visitar diferentes lugares desde a costa atlântica, os picos nevados do Atlas (a nordeste da cidade) e o deserto.
Ainda hoje, franceses ainda dominam o país cultural e economicamente, mas, é muito forte sua ligação com tribos berberes (povos nômades do interior).

Turistas se encantam com os belos jardins, os fantásticos palácios e mesquitas, e os templos que mesmo tendo acesso vedado aos não muçulmanos, são bonitos de se admirar por fora.

Imperdíveis são passeios pela Medina (centro antigo circundado por uma grande muralha cujo objetivo no passado, era defender a cidade); e pela famosa praça Djemma El-Fna de onde se espalha o mercado central: o souk, onde milhares de homens e mulheres vestidos com roupas típicas assediam turistas oferecendo seus produtos típicos.
Deixar-se perdem por entre as ruelas do mercado é uma das boas experiências que se tem na bela Marrakesh.

Confira algumas de nossas sugestões de passeios em Marrakesh

Conheça a Mesquita Koutoubia
O minarete da mesquita (mais famoso símbolo do país), tem 77 metros, é o único dessa altura dentro da medina e pode ser contemplado somente por fora. Só entram ali os muçulmanos.

Gaste seus dihams nos souks (ou feira ao ar livre)
Há poucas formas mais prazerosas de gastar o tempo em Marrakesh que não seja vagando pelos inúmeros mercados.
A área da Medina ao norte da Praça Jemaa El Fna é comercial e repleta de souks que enchem as pequenas e sinuosas ruelas. Quanto mais você anda por eles, mais interessante fica o passeio. Encontra-se tapetes, tecidos, chapéus de lã, temperos fantásticos, roupas, kaftans e cobertores, além de lindas bolsas de ráfia ideias para carregar suas compras.

Aprenda sobre as escrituras islâmicas e suas leis
Vale visitar a escola Ben Youssef Medersa (fundada no século XIV), que se dedica a ensinar as escrituras islâmicas – uma construção que abriga 100 pequeninos dormitórios sem janelas usados por estudantes até 1962.

Compre alguns itens de luxo
Akbar Delights é uma boutique especializada em roupas de luxo e tecidos de Kashmir, algumas de designers locais. Aqui você encontra tops bordados, vestidos, robes, xales e lenços e lindíssimas bolsas. As únicas peças made-in-Marocco, são as belas babouches bordadas.
Atelier Moro tem uma eclética coleção de itens para casa, roupas, acessórios e tapetes.

Aprenda sobre a história moura
Incrustada a vários metros do nível da rua está Koubba El-Badiyin, uma construção histórica da era dos almorávidas, fundadores de Marrakesh, datada de 1107, provavelmente foi parte do complexo da original Mesquita Bem Youssef.  

Conheça o artesanato marroquino
Na casa de um antropólogo alemão, Bert Flint, localiza-se a Maison Tiskiwin, onde há uma fascinante coleção de artesanato e artigos de decoração do sul do país e do Saara. A exposição inclui mascaras de Mali e uma tenda berbere inteira feita de cabelo de camelo.

Explore museus
O Museu Dar Si Said abriga uma coleção de artesanato e peças entalhadas em Madeira. Dentre utensílios de cozinha, armas e instrumentos musicais estão belos exemplos de cedro entalhado, resgatados de habitações perdidas da cidade.
Inaugurado em 1997, o Musée de Marrakech (www.museedemarrakech.ma) vale a visita a começar pela beleza de seu prédio, que retrata a arquitetura andaluza. O museu abriga exposições de arte moderna e de arte marroquina tradicional, além de exemplares de livros históricos, moedas e cerâmica das culturas árabe, berbere e judia.

Entre num palácio de sultão
O Palácio Badii foi no passado modelo de ostentação, com paredes e tetos incrustados de ouro de Timbuktu, piscinas, jardins e fontes.

Compre numa loja de departamento de artesanato
Apesar da entrada humilde, o Centre Artisanal é o que há de mais parecido com uma loja de departamento em Marrakesh – ótimo para comprar souvenirs, roupas, jóias e tapetes.

Prove a culinária típica
Há muitos lugares pitorescos para se comer em Marrakesh, mas dois deles se sobressaem.
Le Pavillion (47 Derb Zaouia) – no pátio de uma esplêndida casa antiga, várias mesas se aglomeram sob os galhos de uma enorme árvore.
Narwama (www.narwama.com), um delicioso restaurante de comida Thai, instalado num palácio do século XIX.

Para dançar
Pacha (www.pachamarrakech.com) é um complexo que abriga dois restaurants – Jana e Crystal, um lounge e uma piscina. A pista de dança acomoda até 3.000 pessoas, mas, está localizada a 7km do centro da cidade de Marrakesh – programe-se.
Palais Jad Mahal (www.jad-mahal.com), uma espécie de cabaré oriental frequentado principalmente por marroquinos.
Thêatro (www.theatromarrakech.com) é um antigo teatro onde se encontram os marroquinos mais bacanas da cidade.

Relaxe num haman
O haman, ou banho turco merece ser apreciado no Marrocos. Uma alternância entre sauna (bem quente) e mergulhos em água gelada.
Experimente o House (www.dar-karma.com) que fica no hotel Dar Karma desde 2003. É excelente!
Um dos mais belos hamans é o Les Deux Tours (www.les-deuxtours.com) – um verdadeiro e sublime trabalho de arquitetura.
Les Jardins de la Medina (www.lesjardinsdelamedina.com), uma antiga residencia real, que foi transformado em hotel desde 2001 e abriga uma sala de ginástica, um salão de beleza, um restaurante e um excelente haman.

AGADIR

Esta cidade que fica a cerca de 3 horas a sudoeste de Marrakesh, na costa atlântica do país, tem um clima invejável, durante o ano todo.
Após um terremoto que a destruiu em 1960, foi completamente reerguida e hoje é tida como a mais européia das cidades marroquinas e a mais cobiçada para quem procura esportes náuticos.
É dona de praias fantásticas com areais longos e limpos, alguns deles ainda desertos.
Em Agadir não há falta de opção: a cidade convida para se deixar relaxar nas espreguiçadeiras a beira mar, andar a cavalo, surfar, jogar tênis ou golf, ou ainda para ver e ser visto no “calçadão de Agadir” repleto de cafés, vendedores de artesanato e músicos amadores. É, de fato, uma cidade encantadora.


QUICK TIPS

SUGESTÕES DE ROTEIRO